quinta-feira, 23 de agosto de 2012

Salmo 37


Uma das primeiras palavras que me lembro de ter ouvido a respeito da vontade de Deus em nossas vidas foi a seguinte:
Fui jovem e já estou velho, e nunca vi um justo abandonado nem seus descendentes mendigando o pão. Salmo 37.25

Fonte de Águas Vivas!
Este Salmo me foi dito pelo pai de meu cunhado, uma pessoa que estimo muito, tanto ele quanto a sua esposa.
Não lembro exatamente a circunstância, mas em muitos momentos de provas e lutas, lembro-me deste texto maravilhoso da Palavra de Deus. Na época eu não tinha muito clara a dimensão da força deste Salmo, mas logo fui aprendendo.
Passamos a conviver muito próximo a esta família, tanto que minha filha um dia perguntou se poderia os chamar de vô e vó.
Criamos um hábito de ao menos uma vez por semana visita-los e em todas as oportunidades eu saia enriquecido pelos conselhos deles.
Tive a oportunidade de fazer uma amizade sincera com eles e nos momentos mais difíceis pelos quais passamos, eles estavam ao nosso lado sempre com paciência, temor ao Senhor estiveram presentes prontos e dispostos a ajudar.
Fica aqui a minha gratidão a este casal abençoado, que mesmo agora estando morando um pouco distante, tenho certeza que continua nos colocando através da oração na presença de Deus.

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...