quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

Eis o Cordeiro de Deus!!

Texto: No dia seguinte João viu a Jesus, que vinha para ele, e disse: Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo”. João 1.29.


Nesta passagem bastante conhecida, vemos ao menos três características essenciais a qualquer missionário, quais sejam:

1.      Conhecer Jesus;

2.   Saber que só através DELE nossos pecados são tirados e podemos nos achegar ao Pai;

3.      E, sobretudo, Anunciar Cristo para TODOS.


Missão: Quando pensamos em missão, logo nos vem à mente a ordem dada por Jesus ao ascender aos céus: “Portanto, ide ensinai todas as nações, batizando-as em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo...”. Aparentemente esta foi uma espécie de “’ultima ideia” de Jesus, algo do tipo “só mais uma coisa, pessoal...”, mas não é bem assim. A Bíblia fala de missão, do primeiro ao último versículo, apresentando qual seja a vontade de Deus para cada um de nós: que conheçamos Cristo, o único e verdadeiro caminho para chegarmos ao céu.

Ao aceitarmos nossa condição de pecadores e reconhecermos o sacrifício de Jesus por nós, começamos a conhecê-Lo.


Conhecer Jesus: Para conhecer Jesus usamos alguns meios:


a. Jejum, ou melhor, consagração, procurando assim aparar arestas, oferecendo a Ele nossas vidas para que Ele nos transforme como o oleiro transforma o barro.

b.    Leitura da Palavra, não há uma forma melhor de conhecer alguém do saber como a pessoa é o que ela pensa, quais são seus propósitos, o que ela pensa a nosso respeito, ou seja, como é o seu caráter. A Bíblia é a Palavra de Deus, ela é o documento que mostra quem é Deus, qual o seu plano para nós além de apresentar o caminho para voltarmos a ter comunhão com o Pai.

c.    E por fim, mas não menos importante, conhecemos Jesus através da oração. Ninguém consegue fazer uma verdadeira amizade sem conversar com as pessoas. Através da oração conseguimos manter um contato intimo com Jesus. Ele escuta, responde e neste processo, prosseguimos conhecendo-o gradativamente. Vamos fortalecendo nossa ligação com Deus. Pedindo a Ele a Sua direção para nossas vidas, erramos menos e começamos a viver uma vida parecida com a Dele, no sentido de nos entregarmos para os outros.


A partir daí já conseguimos reconhecer que somos falhos, pecadores e que necessitamos do perdão divino.


Pecados tirados por Jesus: Antes do sacrifício vicário de Jesus, eram sacrificados animais pela manhã e a tarde. Estes sacrifícios “cobriam” os pecados, mas não os tiravam do mundo.


eisocordeirodeDeus
Jesus sendo Deus escolheu se entregar por nós e consumar o plano de salvação universal da humanidade, estabelecido por Deus antes da criação do mundo.

João ao ver Jesus, conclui o seu ministério preparatório, fazendo com que os seus discípulos sigam a Cristo. Aos olhos humanos naturais, aparentemente João, com isso, cai no esquecimento, mas ele tinha total certeza do cumprimento de sua missão: preparar o caminho e apresentar Jesus como o Cristo.


Isto é fazer missões. Isto é o Cristianismo.


A salvação é dom de Deus e não vem das obras para que não nos gloriemos, por este motivo, temos que cumprir o “Ide” de Jesus, e proclamá-la a todos quanto possível, pois Deus não quer que ninguém se perca.


Anunciando Cristo ao mundo: Muitos pensam que anunciar Cristo para as pessoas é algo como entregar folhetos, pregar o Evangelho em praças públicas ou ainda tentar convencer as pessoas a se converterem.


Pregar o Evangelho a todas as pessoas não é só isso. Passa antes por uma transformação de vida tão profunda que as pessoas passam a perceber uma diferença na vida do cristão. Uma diferença tão marcante, que mesmo sem saber exatamente o que é, interessa os demais a ponto de perguntarem qual o motivo desta diferença.


Um cristão que experimentou esta regeneração passa a brilhar no mundo e suas atitudes falam muito alto, mais alto do que palavras.


Missão é fazer brilhar em nós a luz de Cristo. Com isto qualquer palavra dita, passa a ser bem recebida e o Evangelho pode ser anunciado com muito mais eficiência.

Deus abençoe.

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...